Falar agora com um Representante

5 coisas que você precisa saber antes de adquirir seu kit solar

Todos os dias dezenas de pessoas entram em contato conosco para solicitar orçamento e até mesmo tirar algumas dúvidas sobre a energia solar.

Para desmitificar algumas das dúvidas mais comuns, separamos 5 coisas que você precisa saber antes de adquirir um kit solar. Confira a seguir!

1. Você não vai ‘zerar’ a sua conta de luz

O sistema on grid, aquele conectado à rede, é o mais utilizado por apresentar o melhor custo-benefício em relação ao sistema off grid. É muito mais barato e mais prático.

Portanto, justamente por ser conectado à rede da distribuidora de energia, é necessário pagar o Custo de Disponibilidade, também conhecido como Tarifa Mínima.

Essa taxa é cobrada pela concessionária de energia da sua região para que seja disponibilizado o serviço de eletricidade ao seu imóvel e é obrigatória mesmo que seu consumo no mês seja zero.

Esse custo de disponibilidade está sob regulação da Resolução nº 414 de 2010 e varia de acordo com o padrão do imóvel, confira:

  • Padrão monofásico: o custo de disponibilidade equivale a 30 kWh (quilowatts-hora);
  • Padrão bifásico: a taxa mínima corresponde a 50 kWh;
  • Padrão trifásico: o custo de disponibilidade é igual a 100 kWh.

E é devido à esse Custo de Disponibilidade que não conseguimos ‘zerar’ a conta de luz, porém, dependendo do seu consumo, é possível reduzir o valor da sua fatura em até 95%.

2. Energia solar não compensa se o seu consumo for muito baixo

Como vimos no tópico anterior, é necessário pagar uma Tarifa Mínima à distribuidora se seu imóvel for conectado à rede, certo?

Então, se o seu consumo de energia for muito próximo ao estabelecido pelo Custo de Disponibilidade, ainda que você passe a gerar sua própria energia, você continuará pagando praticamente o mesmo valor na conta de luz.

Ou seja, é um investimento que você não irá aproveitar muito.

Quanto mais alto o consumo de energia, mais a energia solar valerá a pena!

Você gasta muito com energia na sua residência, empresa ou fazenda? A energia solar é um excelente investimento para economizar na conta de luz!

Faça uma simulação online e  gratuita agora mesmo! Clique aqui.

3. Um kit solar não é só as placas fotovoltaicas

É muito comum as pessoas nos perguntarem quanto custa cada placa solar acreditando que é só multiplicar o valor pela quantidade de placas que elas precisam.

Primeiramente, há uma grande variedade de painéis fotovoltaicos, diversas potências e marcas que vão influenciar no preço final.

Também precisa de inversor, que vai transformar a energia produzida pelos painéis em energia adequada para o uso,  e o string box, que fornece proteção conta sobretensão e sobrecorrente no sistema.

Além disso, tem a estrutura de fixação dos painéis, os cabos elétricos e os conectores.

E ainda tem o Projeto Solar Fotovoltaico, a ART de Projeto e Execução e mais a homologação junto à concessionária de energia e o serviço de instalação do sistema.

Ufa! Bastante coisa, não é?

Por isso, quando as pessoas nos procuram preferimos fazer um orçamento personalizado adequado para a necessidade de cada um.

Caso você tenha interesse em fazer um orçamento sem compromisso, fale agora com um de nossos consultores clicando aqui.

4. Potência e eficiência dos painéis solares

Muita gente confunde e acha que potência e eficiência são a mesma coisa, mas não são. A gente te explica!

A potência de um painel é a capacidade de geração elétrica medida em watts (W). Quanto maior a potência, mais eletricidade é capaz de ser produzida.

Em instalações residenciais e comerciais são utilizados painéis com potências entre 340W e 550W.

Já a eficiência do painel fotovoltaico é a porcentagem da energia luminosa do sol, em Watts, que cada m² do painel transforma em energia elétrica utilizável.

A maioria dos painéis possuem eficiência entre 15% e 20%, mas é possível encontrar painéis com até 23% de eficiência no mercado.

Em outras palavras, quanto maior a potência e a eficiência dos painéis, maior será a capacidade de gerar energia e menos painéis serão necessários para compor um sistema.

Ao mesmo tempo, quanto maior for essa capacidade, mais elevados são os preços. Por isso, é preciso colocar na balança e analisar o que compensa mais.

5. Durabilidade dos painéis fotovoltaicos

A garantia padrão de eficiência de um painel solar fornecida pelos fabricantes é de 25 anos funcionando com 80% de seu desempenho original.

De maneira geral, os painéis tendem a perder até 3% no primeiro ano e depois em média 0,7% ao ano.

Levando isso em consideração, um painel de boa qualidade fabricado hoje pode chegar aos 50 anos com 60% do seu desempenho inicial.

Ou seja, após os 25 anos, você ainda pode continuar usufruindo do seu sistema por mais um tempo. Mas vale ressaltar: para maximizar a eficiência dos painéis, é importante realizar as manutenções periódicas corretamente.

Adquira seu kit solar agora mesmo!

Agora que aprendeu um pouco mais sobre a energia fotovoltaica, que tal adquirir um kit solar para o seu imóvel?

Quando você gera a sua própria energia, você deixa de usar a energia da distribuidora e reduz o valor da sua fatura em até 95%.

Você pode aproveitar a própria economia para pagar o kit solar, fazendo com que o investimento retorne em breve.

Quer saber mais? Clique aqui e fale agora com um consultor da Maringá Solar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima

Preencha o formulário abaixo e receba um orçamento personalizado em poucos minutos!